Quarta-feira, 24 de Março de 2010

Lições n.ºs 49 e 50

Que aprendizagens e competências vais desenvolver:

  • Entrega e correcção do teste de avaliação.
  • Auto e hetero-avaliação.
publicado por historia8aavanca às 11:29
| Comentar
Quarta-feira, 17 de Março de 2010

Lições n.ºs 47 e 48

Que aprendizagens e competências vais desenvolver:

  • Resolução de um teste de avaliação.
  • Análise dos critérios de avaliação/correcção.
publicado por historia8aavanca às 11:28
| Comentar
Sábado, 13 de Março de 2010

Objectivos para o teste de avaliação

Objectivos que deves atingir:

  • Define sociedade de ordens (página 124).
  • Descreve os principais privilégios do clero e da nobreza (páginas 125 e 126 do manual).
  • Explica em que diferem as ordens privilegiadas das ordens não privilegiadas (páginas 124, 125, 126 e 127 do manual).
  • Quais são os poderes do rei absoluto? (páginas 128 e 129)
  • Como era fundamentado o poder absoluto do rei? (página 129)
  • Identifica as características da arquitectura barroca (página 138).
  • Identifica as características da pintura barroca (página 139).
  • Identifica as principais características da escultura barroca (página 139)

Como deves preparar-te para o teste:

  • Revê a matéria.
  • Volta a fazer os exercícios.
  • Procura chegar antes da hora marcada.
  • Não fiques demasiado nervoso, acredita em ti.
  • Escuta com muita atenção todas as indicações dadas pelo professor.
  • Lê todo o enunciado do teste antes de começares a responder.
  • Lê cada pergunta com muita atenção e ordem.
  • Elabora a resposta com uma introdução, desenvolvimento e conclusão.
  • Começa pelas perguntas mais fáceis, controlando o tempo.
  • Continua com as perguntas mais difíceis, conservando a calma.
  • Expressa os meus próprios conhecimentos sem copiar, procurando ser honesto com os teus colegas.
  • Não causes problemas de interpretação ao professor:
    • Procura ser claro e limpo nas tuas respostas;
    • Esforça-te por fazer uma letra legível;
    • Procura ser cuidadoso no vocabulário;
    • Esforça-te por ordenar correctamente as ideias que escreves.
  • No fim:
    • Faz uma revisão das respostas;
    • Faz as correcções que achares necessário;
    • Entrega o teu teste.

Caso tenhas alguma dúvida não hesites em contactar-me através do endereço de correio electrónico historia8a@sapo.pt

 

publicado por historia8aavanca às 11:49
| Comentar
Quarta-feira, 10 de Março de 2010

Lições n.ºs 45 e 46

Que aprendizagens e competências vais desenvolver:

  • Resolução de exercícios sobre o absolutismo régio.
  • Análise dos objectivos do teste de avaliação.
publicado por historia8aavanca às 11:13
| Comentar
Quinta-feira, 4 de Março de 2010

Lições n.ºs 43 e 44

Que aprendizagens e competências vais desenvolver:

  • Visionamento e análise de excertos dos filmes "O Homem da Máscara de Ferro" e "Maria Antonieta.
  • Observação de imagens da de monarcas europeus do século XVI.
  • Leitura e interpretação de textos sobre o Absolutismo régio.
  • Observação de elementos arquitectónicos, esculturas e pinturas do barroco.
  • Audição de excertos de músicas de compositores dos séculos XVII e XVIII.
publicado por historia8aavanca às 11:05
| Comentar

Lições n.ºs 41 e 42

Que aprendizagens e competências vais desenvolver:

  • Resolução de um teste de avaliação.
publicado por historia8aavanca às 00:31
| Comentar

Lições n.ºs 39 e 40

Que aprendizagens e competências vais desenvolver:

  • Observação e análise de documentos iconográficos relativos às ordens sociais.
  • Leitura e interpretação de textos sobre a sociedade do Antigo Regime.
publicado por historia8aavanca às 00:28
| Comentar

Lições n.ºs 37 e 38

Que aprendizagens e competências vais desenvolver:

  • Leitura e análise de excertos de denúncias da Inquisição.
  • Visualização de um excerto do filme "1492", de Ridlley Scott (1992).
  • Resolução de exercícios.
publicado por historia8aavanca às 00:26
| Comentar
Terça-feira, 2 de Março de 2010

O barroco em Portugal

 

 

publicado por historia8aavanca às 13:28
| Comentar

O palácio de Mafra e o barroco

 

 

publicado por historia8aavanca às 13:27
| Comentar

"The Palace of Versailles", Discovery Channel

 

 

publicado por historia8aavanca às 13:17
| Comentar
Segunda-feira, 1 de Março de 2010

"The Man in The Iron Mask", de Randall Wallace (1998)

 

 

publicado por historia8aavanca às 12:31
| Comentar

"La Europa del Rey Sol", ArteHistoria (2008)

 

 

publicado por historia8aavanca às 01:34
| Comentar

A encenação do poder absoluto

 “Os convites para as frequentes festas ou para os passeios privados em Versalhes foram os meios de que o rei se serviu para distinguir os cortesãos e para manter todos eles sempre ansiosos por agradar-lhe (...). O rei olhava continuamente à direita e à esquerda, quando se levantava, ao deitar-se, durante as refeições, ao passar pelas salas e pelos jardins de Versalhes, o único lugar onde todos os cortesãos tinham liberdade de segui-lo: via e notava toda a gente, ninguém lhe escapava, nem mesmo aqueles que julgavam não ser vistos (...). Para as pessoas de maior distinção, era vergonha não viver permanentemente na corte ou ir lá só de quando a quando.”


Saint-Simon, Memórias

publicado por historia8aavanca às 00:21
| Comentar

O rei absoluto

“O segredo do rei quanto aos negócios do Estado é incomparável; os ministros vão ao Conselho mas ele não lhes confia a execução dos seus projectos senão depois de os ter examinado maduramente e depois de ter tomado uma decisão. Gostaria que pudésseis ver o rei. Tem o ar de um grande dissimulador e olhos da raposa. Não fala nunca dos negócios do Estado a não ser quando está em Conselho (…).

O rei faz tudo o que pode para mostrar que não está dominado pelos ministros e nunca nenhum príncipe foi menos governado. Quer saber tudo: pelos ministros, os assuntos do Estado; pelos presidentes, notícias dos parlamentos provinciais; pelos juízes, as menores coisas. Em suma, acontecem num dia poucos acontecimentos de que o rei não seja informado e há poucas pessoas de que ele não saiba o nome e os hábitos. (…)

Além disso, nos actos de vida, é muito regrado. Levanta-se sempre às oito horas, participa no Conselho das dez até ao meio-dia e meia, hora em que vai à missa, sempre me família, com a rainha. Graças a esta vontade contínua e intensa de presidir a todos os assuntos, tornou-se hábil.”

 

Primi Visconti, Memórias da Corte de Luís XIV

 

publicado por historia8aavanca às 00:18
| Comentar

Uma sociedade estratificada

A estratificação social em ordens (…) consiste numa hierarquia de graus distintos uns dos outros e ordenados não segundo a fortuna dos seus membros (…) mas segundo a estima, a honra, a dignidade, ligadas pela sociedade a funções sociais. (…) Cada grupo social vê ser-lhe imposto, pelo consenso da opinião, o seu estatuto social, quer dizer a sua posição, a sua dignidade, as suas honras, os seus direitos, os seus deveres, os seus privilégios, as suas sujeições, os seus símbolos sociais, o seu vestuário, a sua alimentação, os seus brasões, o seu modo de vida, de educação, de gastos, de distracções, as suas funções sociais, as profissões que devem exercer (…), o comportamento que os seus membros devem observar para com os membros de outros grupos nas diversas circunstâncias da vida e o comportamento que têm direito a esperar da parte deles, as pessoas com quem devem relacionar-se e tratar de igual para igual, o seu grupo de existência e os grupos com que não devem manter senão as relações impostas pela respectiva função social.”

 

Roland Mousnier, As Hierarquias Sociais, Lisboa, Pub. Europa-América, 1974, pp. 17-20

 

publicado por historia8aavanca às 00:06
| Comentar

Escola Prof. Dr. Egas Moniz

Pesquisar

 

Junho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


Posts recentes

Critérios Específicos de ...

Declaração Universal dos ...

As consequências da indus...

A Revolução industrial

As Revoluções Agrícola e ...

Os iluministas

O Marquês de Pombal e a p...

O poder absoluto

A sociedade do Antigo Reg...

Os interesses dos grupos ...

Condições da prioridade p...

O Mundo visto pelos europ...

Objectivos para a Prova G...

Matriz de Conteúdos da Pr...

História 8 no Facebook

Espaço de armazenamento e...

Lições n.ºs 55 e 56

Lições n.ºs 51 e 52

O contrato social, a sobe...

O direito natural

Galileu, de Liliana Cavan...

Galileu, de Joseph Losey ...

O método experimental

Lições n.ºs 49 e 50

"Neste dia: 25 de Abril"

Objectivos para o trabalh...

O terramoto de Lisboa

O terramoto de 1755

A submissão da nobreza

Lições n.ºs

Objectivos para o trabalh...

Objectivos para o trabalh...

Objectivos para o teste d...

Lições n.ºs 39 e 40

A pintura barroca

A música barroca

O palácio de Mafra

O Palácio de Versalhes

"Marie Antoinette", de So...

"The Rise of Louis XIV", ...

Arquivos

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Ligações

SeguraNet